4 métricas que devem ser consideradas na contratação de desenvolvedores

Ter um time completo e qualificado de desenvolvedores é a meta de toda empresa que depende diretamente do trabalho desses profissionais. Mas alcançar esse objetivo nem sempre é tarefa fácil, e para garantir que você tenha um time formado por profissionais capacitados e eficientes, separamos essas 4 métricas de contratação de desenvolvedores que precisam fazer parte do recrutamento da sua empresa. Confira!

Métricas de contratação de desenvolvedores: entenda sua importância

Empresas de todos os tamanhos e de segmentos variados precisam cada vez mais dos serviços de profissionais da tecnologia da informação.

Seja para otimizar processos internos ou desenvolver projetos mais robustos, praticamente todas as aplicações da rotina empresarial e da nossa rotina particular envolve a presença de desenvolvedores.

Se você está lendo este artigo pelo computador ou pelo celular, tenha certeza de que um desenvolvedor de sistemas está por trás dessa aplicação!

O primeiro passo para encontrar talentos para a equipe é através de processos de recrutamento e seleção de candidatos, mas será que sua empresa está realizando essa etapa tão importante da maneira correta?

Métricas de contratação de desenvolvedores servem para auxiliar na busca por profissionais e evitar o desperdício de tempo e dinheiro envolvidos no recrutamento. É uma espécie de guia utilizado pelas empresas para garantir a contratação do profissional ideal. 

Confira a seguir as principais métricas de contratação de desenvolvedores que vão ajudar sua empresa durante a busca por esses profissionais.

4 métricas de contratação de desenvolvedores fundamentais para o recrutamento

Foco na divulgação de vagas, utilizar ferramentas de divulgação, saber dosar o tempo para finalizar o recrutamento e receber feedback dos candidatos são as principais métricas para utilizar na seleção de desenvolvedores. Foto: Unsplash

Divulgação de vagas 

Caprichar na divulgação de vagas é uma das principais métricas de contratação de desenvolvedores, sendo a porta de entrada para os candidatos encontrarem sua empresa.

Essa etapa é fundamental para apresentar quais os requisitos necessários para ocupar a vaga e o que a organização espera do desenvolvedor, tanto profissionalmente quanto no quesito relacionamento. 

Muitos recrutadores pecam ao ignorar aspectos pessoais que devem ser ressaltados na divulgação de vagas como, por exemplo, se o candidato tem facilidade para trabalhar em equipe ou se atende outros requisitos de acordo com o fit cultural da empresa. 

Mas atenção! Levar em consideração aspectos pessoais do candidato não é a mesma coisa que selecioná-lo por viés pessoal do recrutador ou da empresa. 

Nesse caso, as questões “pessoais” dizem respeito a preferências de trabalho do candidato, como facilidade para trabalhar em um ambiente barulhento, por exemplo, e não qual time ele torce.  

Ferramentas de divulgação 

Agora que você já sabe quais as principais informações que devem constar na divulgação de vagas, é preciso definir quais ferramentas serão usadas para que essa informação chegue até possíveis candidatos. 

Hoje, a maneira mais eficiente de realizar o recrutamento é através das redes sociais da própria empresa ou por meio de sites de carreira, como o LinkedIn, por exemplo. 

Algumas empresas ainda preferem encontrar e selecionar candidatos por meio de indicações por esse ser um método mais tradicional ou confiável. 

No entanto, existem no mercado diversas ferramentas tecnológicas que otimizam o trabalho dos recrutadores, garantindo a escolha do candidato ideal. Clique aqui para saber mais como a tecnologia pode ser uma aliada em processos seletivos. 

Tempo hábil para finalizar o recrutamento

Toda empresa em busca de desenvolvedores deve ter em mente que esse profissional pode estar no radar de outras organizações. Mesmo se sua proposta for ótima, o tempo para finalizar o recrutamento também é uma das métricas de contratação de desenvolvedores para ficar de olho. 

Ao mesmo tempo que demorar muito para finalizar o processo seletivo traz prejuízos financeiros, você ainda corre o risco de ficar sem o profissional escolhido. 

Por isso, ao encontrar o candidato ideal não perca tempo! Faça sua proposta e alinhe todas as informações para que a contratação seja feita o mais rápida possível. 

Feedback para mensurar resultados 

Conhecer a opinião dos colaboradores sobre os processos seletivos da empresa é a primeira etapa para descobrir falhas no recrutamento e desenvolver estratégias para resolvê-las. Foto: Unsplash

O processo de seleção pode até ter acabado, mas outro indicador importante é saber a visão do candidato escolhido sobre o recrutamento promovido pela empresa. 

Encontrar o candidato ideal não significa que a seleção não tem falhas ou que não pode melhorar em alguns aspectos. Para saber essa resposta basta fazer algo simples que muitas empresas deixam de lado: perguntar diretamente para quem participou do recrutamento. 

Dê espaço para que o desenvolvedor dê feedbacks sobre o processo seletivo, incluindo críticas e sugestões de melhorias. Assim fica mais fácil encontrar erros ao longo do recrutamento e desenvolver estratégias para que eles sejam superados.

Mas se você está em busca de uma maneira mais efetiva de encontrar profissionais qualificados e ainda promover a diversidade e inclusão na empresa, clique aqui e conheça nosso trabalho.